Idosos do Lar Solidário em Mãe Luiza ganham jogos educativos

 

Deu gosto de ver o Lar Solidário de Padre Sabino sendo contemplado pelo projeto ‘Pintando o Sete na Terceira Idade’.

 

Parabéns para a  vereadora Professora Eleika Bezerra que leva adiante o projeto direcionado aos idosos.

Dessa vez  o beneficiado dessa vez foi  o Espaço Solidário, localizado no bairro de Mãe Luiza. A entrega da doação composta por aproximadamente 30 unidades de jogos educativos através do salário da parlamentar foi realizada na manhã desta terça-feira, na própria instituição que atende média de 50 idosos, entre moradores e diaristas.

Lançado em maio de 2015, o ‘Pintando o Sete na Terceira Idade’ visa valorizar a prática de atividades lúdicas no cotidiano dos idosos

Professora Eleika Bezerra entrega a doação aos idosos.

Professora Eleika Bezerra entrega a doação aos idosos.

. Na ocasião do lançamento, o Instituto Juvino Barreto foi o primeiro a ser beneficiada. Em outubro, foi a vez do Lar da Vovozinha receber a doação e, em fevereiro, do Lar do Ancião Evangélico. Para o Espaço Solidário de Mãe Luiza foram doados jogos que contribuem para a memória, concentração e coordenação motora.

A vereadora Professora Eleika ressalta a importância do projeto. “Este é projeto dedicado aos idosos residentes nas ILPIs de Natal e que visa contribuir com um pouco de lazer para o dia a dia deles. Este material de apoio que eles recebem é muito importante para proporcionar horas mais agradáveis e que oferecem, além de uma maior interação entre eles, a possibilidade de melhorar a coordenação motora, raciocínio e memória de uma forma leve e lúdica”, explica a parlamentar lembrando que seu mandato é dedicado, principalmente, às crianças e aos idosos.

A diretora do Espaço Solidária, Loyse de Andrade, agradece a iniciativa. “Esta é uma ação muito importante porque contribui com o bem estar do idoso, exercitando a mente e melhorando as funções cognitivas. A partir de atividades como estas, a qualidade de vida dos idosos passa a ser garantida”, pontua.

Dona Gasparina Costa e Ana Maria da Silva são algumas das primeiras moradoras do Espaço Solidário e já vivem no local há cerca de 15 anos. Para elas, as atividades desenvolvidas são o diferencial do centro de convivência. “Fiquei sozinha após a morte do meu marido e, então, o Padre Sabino, fundador da Casa me trouxe para cá. Vai fazer 15 anos que estou aqui e sou muito feliz. Faço ponto de cruz, fuxico, dança e adoro jogar dominó com minhas amigas”, conta Ana Maria.

 

 

Tags:, , , ,