UFRN celebra a 33ª edição do Bloomsday. De 11 a 13 de junho. Inscrições gratuitas.

Celebrado desde 1986 em Natal, o Bloomsday, inicialmente voltado para a obra do escritor irlandês James Joyce, passou a abranger outros temas da cultura e literatura irlandesas e inglesas. Na edição 2019, o evento será realizado em parceria com membros integrantes da União de Debates Competitivos – UDC – , Escola de Música da UFRN – EMUFRN -e o Instituto de Música Waldemar Almeida IMWA.

A programação acontece no período de 11 a 13 de junho e terá o Prof. Marcel de Lima Santos, de Minas Gerais,  na conferência de abertura intitulada “Caoineadh: Ethnopoetic Representation in the Irish Panegyric Tradition”, ainda terá a  participação dos alunos da graduação em Inglês do Departamento de Línguas e Literaturas Estrangeiras Modernas – DLLEM  e do  Programa de Pós Graduação em Estudos da Linguagem – PPgEL, além dos professores bolsistas do Instituto Ágora.  As inscrições são gratuitas e feitas no local.

Bloomsday, anualmente, é organizado pelos professores pesquisadores integrantes do Grupo de Pesquisa em Estudos Irlandeses/ CNPq, Ana Graça Canan e Bruce Stewart.

O clássico universal, Ulysses

Um homem sai de casa pela manhã, cumpre com as tarefas do dia e, pela noite, retorna ao lar. Foi em torno desse esqueleto enganosamente simples, quase banal, que James Joyce elaborou o que veio a ser o grande romance do século XX.

Inspirado na Odisseia de Homero, Ulysses é ambientado em Dublin, e narra as aventuras de Leopold Bloom e seu amigo Stephen Dedalus ao longo do dia 16 de junho de 1904. Tal como o Ulisses homérico, Bloom precisa superar numerosos obstáculos e tentações até retornar ao apartamento na rua Eccles, onde sua mulher, Molly, o espera.

Para criar esse personagem rico e vibrante, Joyce misturou numerosos estilos e referências culturais, num caleidoscópio de vozes que tem desafiado gerações de leitores e estudiosos ao redor do mundo.

Sobre o autor

James Joyce nasceu em Dublin, em 1882. Estudou literatura e medicina antes de dedicar-se integralmente à carreira de escritor. Romancista, contista e poeta, Joyce é considerado um dos escritores mais importantes do século XX, por livros como DublinensesRetrato do artista quando jovemUlysses e Finnegans wake. Morreu em Zurique, em 1941.

 

Tags:, , , ,

UFRN celebra a Cultura Irlandesa através da 32ª edição do Bloomsday. Professor da USP fará a conferência de abertura do evento. Inscrições abertas.

O Departamento de Línguas e Literaturas Estrangeiras Modernas (DLLEM) da Universidade do Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) promove, de 13 à 15 de junho, a 32ª edição do Bloomsday, evento que comemora a literatura e cultura irlandesas.

Realizado desde 1986 em Natal, o Bloomsday, inicialmente voltado para a obra do escritor irlandês James Joyce, passou a abranger outros temas da cultura e literatura irlandesas e inglesas. O evento é anualmente organizado por pesquisadores integrantes do Grupo de Pesquisa em Estudos Irlandeses/CNPq e esse ano, conta com parceria de membros do comitê local da Associação de Professores de Língua Inglesa, a BRAZ-TESOL.

A programação terá o professor John Corbett da Universidade de São Paulo (USP), como ministrante da conferência de abertura intitulada Intercultural correspondences: mapping an international literary community, a participação dos alunos da graduação em Inglês do DLLEM e da Pós-graduação em estudos da Linguagem (PPGEL), além dos professores bolsistas do Instituto Ágora.

Para realizar inscrições e obter mais informações acesse este: https://sigaa.ufrn.br/sigaa/public/extensao/viewDadosCursoEvento.jsf

Programação Completa

13/06 (Quarta-feira)

Auditório D do CCHLA

09h30 – Abertura e apresentação artística

10h – Conferência de abertura: Intercultural correspondences: mapping an international literary community –  Palestrante: John Corbett (USP)

14/06 (Quinta-feira)

Auditório D do CCHLA – 09h – Apresentação de alunos da Graduação Inglês/DLLEM

Coordenação: professor Bruce Stewart (UFRN)

Auditório 3 do ÁGORA – 14h – Apresentação de orientandos do PPGEL

Coordenação: professores Ana Graça Canan e Marcelo da Silva Amorim (UFRN)

15/06 (Sexta-feira)

Auditório D do CCHLA – 14h- Palestra BRAZ-TESOL: Teaching Culture: Activating the 5 Cs in the Language Classroom

Palestrantes: professores John Corbett (USP) e Bruno Ferreira de Lima (IFRN)

Tags:, , ,

#Bloomsday UFRN celebra obra do irlandês James Joyce com musical e palestras.

A 31ª edição do Bloomsday acontecerá de 12 a 14 de junho. Os organizadores do evento, professores Ana Canan e Marcelo Amorim, do Grupo de Pesquisa em Estudos Irlandeses da UFRN, divulgam a programação que será realizada no Auditório ‘D’ do CCHLA, na UFRN, a partir das 9h00, encerrando ao meio dia.
A grandiosidade da obra de James Joyce, reverenciada nas cátedras do mundo inteiro, principalmente em junho, se destacará também aqui na UFRN através de um recital, palestras, e musical que irá reunir universitários, professores e interessados pela cultura irlandesa. O evento é gratuito e as inscrições são feitas no local a partir da assinatura na lista de presença. A frequência mínima de 75% dará direito a certificados.
Programação
A palestra de abertura terá início às 9h do dia 12 e contará com o prof. Prof. Bruce Stewart que abordará “His Veritable Gospel: Sebastian Barry’s Literary Sources in The Secret Scripture”, seguindo-se da apresentação dos contos “Two Gallants”, “A Little Cloud” e “Clay”, de James Joyce, pelos alunos do curso de Língua Inglesa do Departamento de Línguas e Literaturas Estrangeiras Modernas – DLLEM.
No segundo dia, o Prof. Lauro Meller fará a palestra “50 years of Sgt Pepper (1967-2017)” e os alunos apresentarão os contos “A Painful Case”, “A Mother” e “Grace”.
O evento se encerra na quarta-feira, com a leitura dramática da peça teatral “Translations”, de Brian Friel, e uma apresentação sobre a música “Marble Halls”, por alunos da UFERSA, além da apresentação musical de Cheyenne Pritchard, assistente de ensino de língua inglesa pela Fulbright/Capes.
Participações especiais
Professor Bruce Stewart, palestrante da abertura, é irlandês, estudioso da obra de James Joyce. Editor da publicação The Oxford Companion to Irish Literature (1996) e ex-Diretor da Biblioteca Irlandesa da Princesa Grace, em Mônaco. Autor de James Joyce (Oxford University Press 2007). Bruce criou o website Ricorso (www.ricorso.net.), e, atualmente, é professor do Departamento de Línguas e Literaturas Estrangeiras Moderna – DLLEM, na UFRN.
O Professor Lauro Meller é lotado na ECT/Escola de Ciências e Tecnologia da UFRN, onde leciona Prática de Leitura em Inglês e Práticas de Leitura e Escrita. Lauro Meller tem pesquisas na área de Estudos de Música Popular e fez estágio pós-doutoral no Institute of Popular Music da Universidade de Liverpool, tendo publicado “Poetas ou Cancionistas? Uma discussão sobre música popular e poesia literária”.
Cheyenne Pritchard é americana, formada pelo Amherst College Massachusetts, atualmente exerce a função de assistente de ensino de língua inglesa no Departamento de Línguas e Literaturas Estrangeiras Modernas da UFRN, pela Fulbright/Capes, durante o ano de 2017.
Da organização
Marcelo Amorim e Ana Graça Canan são estudiosos da cultura irlandesa e professores do Departamento de Línguas e Literaturas Estrangeiras Modernas da UFRN, onde lecionam as disciplinas de Português para Estrangeiros e Língua Inglesa, respectivamente.

Professores e organizadores do Bloomsday, Ana Canan e Marcelo Amorim

Saiba mais sobre o Bloomsday
O Bloomsday é comemorado na Irlanda e pelos amantes da literatura com diversos eventos oficiais e não oficiais. Também é comemorado todos os anos em vários lugares e em várias línguas. Em comum entre os muitos dedicados entusiastas e simpatizantes envolvidos nestas comemorações há o esforço por relembrar os acontecimentos vividos pelos personagens de Ulisses pelas dezenove ruas da cidade de Dublin.
Ulisses narra os acontecimentos vividos pelo personagem Leopold Bloom durante 16 horas do dia 16 de junho de 1904. Joyce estabelece uma série de correspondências com a Odisseia de Homero, seja entre os personagens (Leopold Bloom e Ulisses; Molly Bloom e Penélope; Stephen Dedalus e Telêmaco) seja com referência aos acontecimentos narrados. A obra é considerada um dos marcos da literatura ocidental contemporânea. Bloomsday, comemorado em 16 de junho, é o dia instituído na Irlanda para homenagear o personagem Leopold Bloom, protagonista de Ulisses, de James Joyce.

Informações com Ana Graça (84) 99983 6346

Tags:, , , ,