Família de Dorian Gray celebra missa de 7º dia hoje. Confira uma das homenagens ao artista.

Como não se emocionar e se sentir recompensada pela oportunidade em prestar uma  homenagem, em vida, ao nosso maior expoente em artes plásticas? Pois é, hoje segunda-feira, 30 de janeiro, celebramos a missa de 7 º dia em intenção de sua alma de Dorian Gray Caldas.  Saudades tomam conta da família e amigos. Seu sorriso franco e sua expressão de encantamento pela arte serão imortalizados em minha memória, mas também, recordo com alegria pelo reconhecimento feito pelo TCERN por quem tanto trabalhou, deu cores a tantos monumentos, deu vez  através do traço ou da trança, da poesia ou dos  contos, à nossa cultura popular.

IMG-20170128-WA0002 (1)

A oportunidade a que me refiro foi concedida pelo coordenador, à época, o jornalista João Batista Machado, do setor de Comunicação do Tribunal de Contas do Estado, que me delegou à editoria da Revista do TCERN, em 2015, com a parceria do colega, também jornalista, Eugênio Parcelle, empenhado como adjunto na edição, que viabilizou a poesia do caderno.

TCE - DORIAN GRAY - 10.06 (52)

Eu com tia Wanda e Dorian, a equipe de trabalho, Eugênio, jornalista e Jorge Filho, fotógrafo da revista.

O Tribunal de Contas do estado, anualmente, há quase duas décadas, publica uma revista técnica que circula entre os tribunais de contas do país, e, no âmbito estadual, é distribuída às instituições públicas, universidades e prefeituras municipais. Para dar leveza a revista e destacar os ícones potiguares, foi decidido encartar um caderno especial com um reduzido espaço, mas que fosse uma homenagem às figuras que prestaram serviços relevantes em suas áreas de atuação. Começou com monumentos, mas depois, a partir de 2012, vieram nomes expressivos. Começou com Câmara Cascudo, Onofre Lopes e Noilde Ramalho, respectivamente. E, em 2015, foi a vez de Dorian que teve a chance de protagonizar e ficar muito feliz com o resultado.

Segue o link para quem quiser conferir integralmente a publicação, uma vez que ainda encontra-se disponível no site da Corte de Contas e, para o caderno especial, abrir na página 57.http://migre.me/vXIUt

O tio estimado

Dorian foi logo adotado em meu coração, graças a André, meu marido,  que tinha um afeto super especial pelo marido de sua tia Wanda.   Aos dois anos de idade, André foi recebido pelos tios Wanda e Dorian, além da prima Dione, para passar uma temporada. A irmã Isabelle nascida fora de tempo necessitava de cuidados especiais dos pais e como ele era pequenino foi passar uns tempos a alguns quarteirões de sua casa.

TCE - FOTOS DORIAN - 23.09 (123)

Dione Caldas, filha de Dorian, herdou a paixão pelas artes. Um agradecimento especial pela disposição do acervo.

Mais de dois anos se passaram e foi chegada a hora da voltar pra casa.  E, numa tarde de domingo ele voltou deixando o vazio preenchido depois de um tempo por Adriano. Fui testemunha, por várias vezes, eles contando esse período de vida, as brincadeiras e o nescau quente com torrada na bancada da cozinha servido por Dorian todos os dias, bem como o dia da despedida, e que sempre terminavam, ambos com olhos marejados e embalados com um forte abraço de ternura.

Não tenho a pretensão de falar dele como artista, o reconhecimento internacional de suas obras o deixavam feliz, embora o medo de andar de avião o impedia de viajar pelo mundo. Quero externar o carinho da convivência com o artista durante esses vinte e poucos anos.  O amor pelas crianças era igual a falar dos novos projetos e de poesia. Tinha medo de doença e da morte.  Um pai amoroso, um avô dedicado, um marido super atencioso, uma figura amável e um amigo leal.

Era bem assim,  simples e recatado.

A boa prosa na praia de verão, em Búzios, onde morei por cinco anos, de vez em quando, tinha a visita do ilustre vizinho. Um bolo com café era sempre um bom motivo para recebê-los, ele e sua inseparável mulher, companheira de vida, Wanda, com quem viveu 56 anos dos 86 de vida.

Lembro deles caminhando na praia. Ele de chinelos, a camisa de linho branca com os bolsos pincelados de tinta e de meias pretas que vinham até os joelhos de mãos dadas, apaixonados e companheiros. Como me encantava o seu jeito simples de ser.

Me sentia tão importante e orgulhosa por ele me dar ouvidos. O balanço da rede parece que entrava na cadência de sua fala pausada…  Momentos singulares que me motivavam à pesquisa sobre autores e referências citadas e de admirar cada vez mais a sua obra.

Falando uma vez sobre uma de suas paixões, as marinas, perguntei como vinha a inspiração e a identificação do local a ser ilustrado.  Depois de um tempo, ele me presenteia com uma tela, hoje no lugar principal da minha casa, autografada e com uma bela paisagem, na qual aprendi uma grande lição com o Senhor dos Pincéis, a imaginação determina o que queremos ver.

 

 

20170130_144423_1485800532890_resized

Marina 1997. Acervo pessoal.

 

 

 

 

Tags:, , , ,

Eu vou! Bora? @jovensescribas

Chegando convite. Vamos ver de perto esse Assuensse e as novidades da Ação Leitura 2016.
fialho

Tags:, , ,

Natal ferve culturalmente. Show de Gil é hoje, e de graça.

Os natalenses de todas as tribos são brindados neste fim de semana com uma programação cultural para ninguém ficar em casa.  Bisbilhotei o portal do Novo e achei um resumo bem legal do que vai acontecer na cidade. Desde o tão esperado show gratuito de Gilberto Gil no FLIN, hoje à noite, na Ribeira, como Alcione e Benito Di Paula  no Centro de Convenções de Natal também nesta sexta-feira, com ingresso à venda,  o Festival DoSol que começa hoje; passando pela exposição Azol entre Virgulinos, no Solar Bela Vista e fotografias e poesias no IFRN;  Som da Mata no domingo; gil festival gastronômico na Praça Cívica e também uma corrida que movimentará e interditará algumas avenidas neste sábado a partir das 13h.

Tags:, , , , , , , ,