Um relato de uma nutricionista obesa que transformou a vida e ainda montou um negócio de sucesso.

A mudança começa por nós!

ana

Ana Karina Lelis

        Se alimentar de maneira nutritiva e saudável com prazer é o sonho de muitos que buscam qualidade de vida. Não existe outra fórmula para chegar a um peso ideal e bom condicionamento físico. Comer bem, pouca quantidade e fazer exercícios, além de uma boa hidratação. Isso é a base de tudo, todos sabem, mas poucos cumprem, concordam?
        Muitas vezes, sabemos de histórias motivadoras e estimulantes, mas é preciso uma lanterna acender dentro do nosso interior para poder impulsionar o motor. A seguir, um relato emocionante de Karina Lelis, amiga pessoal, que teve um bom motivo para iniciar uma vida diferente e, não só conseguiu chegar a um corpo sadio e uma qualidade de vida bem melhor, como também aproveitou a necessidade das outras pessoas  e colocou um negócio voltado para que querem seguir o mesmo caminho. Hoje, com um cardápio super gostoso faz a alegria de muitos que vão saborear feijoada, bolos, sucos e outras iguarias e, de quebra, ainda perdem muito peso. ana karina
Vamos conhecer um pouco de como tudo aconteceu. Com muita determinação e disposta a mudar, a nutricionista e farmacêutica, Ana Karina Lelis, 43, casada com Camilo e  mãe de Daniel Lelis de apenas 4 anos, conseguiu  baixar seu IMC (Índice de Massa Corpórea) de grau 2 para eutrofia,  saindo do manequim 52 para 40.
O DESPERTAR
“Tudo começou em 2013, após o falecimento de minha mãe. Comia diariamente muitos carboidratos, inclusive  milk-shake e batata frita. Lembro que a minha primeira refeição do dia era o almoço. Fase que não me enxergava gorda, não me pesava e não tinha coragem de me fotografar, mas percebia que as roupas pareciam encolher em meu armário”, relata Karina.
“O tempo foi passando, já me sentia bastante cansada ao ponto de não acompanhar meu filho nas brincadeiras de casa, pois até para sentar no chão sentia uma certa dificuldade. Além de não ter mais disposição para ir ao supermercado, encontro com amigos e passeios em família. Estava muito limitada”, conta Lelis.
A dieta saudável que servia ao seu  filho era diferente da do casal  e, a preocupação constante de não ser um bom exemplo, já que o bebê estava crescendo, foi estimulando  o desejo de mudança. A solução foi pedir ajuda a uma nutricionista e amiga, Lilian Lins, que abriu as portas para um novo estilo de vida que transformou a minha família.
NOVA ROTINA
“Na primeira semana, ‘perdi’ apenas um quilo. Muito pouco, a ponto de me fazer desistir”, diz Karina. Mas não foi isso que aconteceu. O aprendizado daquela semana foi levado muito a sério  e dei continuidade ao projeto de mudança de vida. “Comprei um filtro de água alcalina, me matriculei em uma academia, caminhei diariamente no Parque das Dunas, treinei minha funcionária para produzir alimentação sem glúten, sem leite e sem proteína animal, tudo com incentivo do meu marido,  que passou a consumir a mesma alimentação”, lembra Karina.
A DIETA ALIADA A  EXERCÍCIOS
Durante seis meses, o café da manhã era 500ml de suco funcional com biomassa de banana verde e chia
germinada, e, os lanches, eram frutas com castanha, além de ingerir chá e água, para manter a hidratação. O jantar, sempre sopas variadas, conta Karina que também contratou um personal trainer que passou a ser o incentivador diário do casal.  E afirma  “Com palavras animadoras e  a técnica adequada para não  perder o ritmo dos treinos, ele  foi fundamental para o resultado final. Comecei a ver aquelas roupas que pareciam diminuir, ficarem maiores dentro do corpo”, lembra emocionada.
CONQUISTAS
As conquistas passaram a ser diárias. O peso reduzia, a autoestima aumentava e a conquista de algumas metas, que antes pareciam impossíveis. Ao final  de seis meses,  Karina perdeu 30 quilos e seu marido, 20kg.
‘Decidi  participar de corridas de rua e o meu manequim já chegava a 40. Isso me deixava orgulhosa, mas não parei por aí. Mesmo recebendo muitos elogios e palavras de incentivo, ainda me deparava com perguntas do tipo: Fez cirurgia bariátrica? Fez lipo? E a resposta sempre a mesma. NÃO! “E o que fez para eliminar tantos quilos em tão pouco tempo?” E eu explicava passo a passo o segredo do sucesso do meu emagrecimento”, relembra.
O BISTRÔ
Um dia, um amigo interessado no projeto de emagrecimento  perguntou se o alimento que era ingerido na dieta de Ana poderia ser servido a ele. Além disso, outras pessoas perguntavam como fazer a biomassa de banana verde e onde tinha à venda.  Foi aí que surgiu um desejo enorme da nutricionista ajudar aos que não acreditavam, mas que era possível emagrecer, após tentativas com programas alimentares diferentes.cardapio ana E para materializar o como chegar às pessoas o que seria necessário,  surgiu a ideia do bistrô, o  Serv Light Diet Funcional, um negócio montado para esse fim. Acolher as pessoas que sonham em perder peso, onde é servido o cardápio com as recomendações e o atendimento da própria nutricionista. Todos os produtos sem glúten e sem leite e que funciona diariamente das 7h30 às 19h. Desde o café da manhã funcional, coffe-break, almoço e também o kit festas. O atendimento é feito pela empresária que faz questão de servir e interagir com os clientes/pacientes.
Cada prato é servido com uma dose de educação nutricional e a experiência de quem, há dois anos era obesa com indicação de redução de estômago. “Sou referência e o próprio exemplo a ser seguido, tenho certeza que a minha missão é persuadir e tornar real o sonho de cada um que deseja essa mudança”.
RECEITA
E para quem quer fazer a biomassa de banana verde em casa,  uma das preparações mais famosas do mundo fit, Ana Karina passou a receita exclusiva para o blog.
A biomassa é fonte de vitaminas A e C e, uma colher de sopa  é adicionada em sucos e smothies com indicação para aumentar a saciedade, diminuir o índice glicêmico dos alimentos,  além de substituir o creme de leite.
bio
Para um frasco de vidro de 400ml:
Coloca na panela de pressão (03) três bananas verdes, do tipo prata ou pacovan com água suficiente para cobrir;
Quando começar a pressão, cronometra 10 minutos e desliga o fogo;
Despreza a água do cozimento, retira as bananas e descasca;
Leva para o processador ou liquidificador com 200ml de água fria e faz a geleia.
Pronto!  Para quem não tiver tempo, passa lá no bistrô.

serv

Tags:, , , , ,