Será que é bacalhau? Curiosidades sobre a iguaria que vai se destacar nesta 6 feira santa.

Como saber se o peixe é bacalhau? Você sabia que bacalhau não é uma espécie de peixe, mas vários? A informação é conhecida por poucos, apesar de o produto ser um dos mais consumidos – especialmente nas datas comemorativas como a Semana Santa e o Natal. Por mais estranho que pareça, a verdade é que três espécies marinhas podem ser vendidas com esse nome. O peixe torna-se “bacalhau” por causa do processo pelo qual estas espécies são submetidas.

Segundo Sandra Prudente, professora de Nutrição da Estácio Ponta Negra, pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento somente pode ser denominado como bacalhau o produto salgado ou salgado seco, quando elaborado com peixe das espécies Gadus morhua (Bacalhau Cod), Gadus macrocephalus (Bacalhau Pacífico) e Gadus ogac (Bacalhau Groenlândia), devendo constar, na rotulagem, o nome científico da espécie utilizada.

Quanto ao processo, ele consiste na salga e secura do pescado, explica a professora. O sabor e o valor nutritivo são mantidos. No processo de salga, o bacalhau é colocado em tanques cobertos por quilos de sal e assim fica por cerca de quatro semanas. Durante as duas primeiras semanas o peixe fica em salmoura. Depois, é retirado, lavado e armazenado para permanecer mais uma ou duas semanas descansando em sal. Conforme o tamanho e a espessura do peixe chega-se a trocar o sal mais de uma vez.

Benefícios do Peixe

Os peixes possuem grande quantidade de cálcio, fósforo, ferro e iodo, proteínas de alto valor biológico, além do conhecido Ômega 3, que tem ação antioxidante e anti-inflamatória. “Alguns exemplos de pescados com boa concentração dessa gordura saudável são o salmão, a sardinha e o atum. Sendo assim, seu consumo deve ser feito pelo menos duas vezes por semana, ao invés de apenas na quaresma”, explica a professora.

O bacalhau contém gorduras saudáveis, como o ômega-3 e ômega-6, nutrientes importantes para diminuir o LDL [colesterol ruim], triglicerídeos e aumentar o HDL [colesterol bom], e é importante na prevenção e controle de problemas cardiovasculares, inflamatórias, autoimunes e até câncer, informa.

Tags:, , ,

20 de março tem a Peregrinação das 7 igrejas, camisetas no Seminário São Pedro

 Natal vai acolher,  Pelo segundo ano,  uma peregrinação no domingo de Ramos, dando início aos ritos da Semana Santa. 7 igrejas

Trata-se da “Peregrinação das 7 igrejas”, que acontecerá no próximo dia 20 de março.

A concentração se dará no Seminário de São Pedro, na Av. Campos Sales, 850, no  Tirol, em Natal, a partir das 6h30 e o encerramento se dará com a celebração da Missa de Ramos, de volta ao seminário, por volta das 11h.

Este é o segundo ano dessa iniciativa, que tem por objetivo intensificar o  percurso de preparação rumo à celebração da Páscoa de Jesus. A atividade consiste numa caminhada, de caráter penitencial, com passagem por sete importantes igrejas de nossa cidade. Durante o percurso, são feitas leituras espirituais, cânticos e orações. Em cada parada, os fieis poderão conhecer alguns traços de seu perfil histórico e arquitetônico da igreja.

Para quem quiser ainda colaborar com o Seminário São Pedro,  a organização do evento está vendendo a camiseta,  ao custo de 30 reais, com logomarca da peregrinação, não é obrigatório, é voluntário,  ressalta Pe. Francisco Fernandes
Vice-Reitor do Seminário de São Pedro.

Informações com Adriana 991515115

Tags:, , ,